Make your own free website on Tripod.com

Religião e Modernidade:Estudo Histórico-social da inserção do Movimento pentecostal em Mariana MG.(1965-1998)

Paulo Gracino de Souza Júnior

Universidade Federal De Ouro Preto/Instituto de Ciências Humanas e Sociais

A expanção do Pentecostalismo é, neste final de milênio, um dos fenômenos mais importantes dentro do cenário religioso nacional. Tendo em vista esse fato, a presente pesquisa tem por objetivo verificar a relação existente entre o crescimento pentecostal e a racionalização das praticas católicas. Observaremos como a tentativa da Igreja Católica de se adaptar à sociedade moderna, levou-a a um distanciamento em relação à religiosidade popular, principalmente no que diz respeito a seu caráter mágico. Tal distanciamento conduziu uma considerável parcela da população, que se viu, ou se sentiu abandonada por sua religião tradicional(esse catolicismo laicizado), a ir buscar novas formas de crer e sobretudo de se motrar crente, remodelando outros meios de se relacionar com o sagrado. Para iniciar esse discurso, optamos por investigar este processo em uma tradicional cidade católica mineira, Mariana, sede do Arcebispado de Minas Gerais no período de 1965 a nossos dias